Diarreia infantil: sintomas, causas e como tratar | Vspy.info- vspy.info

Diarreia infantil: sintomas, causas e como tratar

Visão Geral

O que é Diarreia infantil?

A diarreia é um problema muito comum em crianças menores de cinco anos. Ela é caracterizada pela evacuação de fezes líquidas de forma frequente e sem controle, com ou sem a presença de causas patológicas: muco, sangue, ou gordura.

A diarreia é a manifestação clínica de um distúrbio no nosso trato gastrointestinal que leva a alterações no transporte de água e sais. O intestino é responsável pela digestão e absorção dos alimentos e absorção de água. Quando há algum problema com uma dessas funções, ocorre a diarreia. Muitas vezes ocorre também um aumento da motilidade intestinal, ou seja, uma aceleração no trânsito intestinal.

Na maioria dos casos, a diarreia dura alguns dias, porém quando ela permanece por semanas, pode indicar uma doença grave, como uma infecção persistente ou uma doença inflamatória intestinal.

A sua duração é autolimitada, de no máximo 14 dias, mas em média 3 a 7 dias. O aleitamento materno é o principal fator de proteção para a ocorrência de diarreia entre os lactentes. (1,2)

Tipos

A diarreia pode ser tanto aguda quanto crônica. O fator determinante para seu diagnóstico é o tempo de duração dos sintomas. (5)

Diarreia aguda

A diarreia aguda é caracterizada por episódios diarreicos até 14 dias e dita diarreia persistente de 14 a 30 dias. A maioria dos casos são de origem infecciosa como bactérias, vírus e protozoários.

Diarreia crônica

A diarreia crônica persiste por cerca de três a quatro semanas e pode indicar desde a síndrome do intestino irritado (SII) até condições mais graves, como doença de Crohn e colites ulcerosas. A diarreia crônica é causada principalmente por doenças inflamatórias e disabsortivas.

Causas

As principais causas da diarreia são infecciosas, principalmente as causadas por vírus. Dentre os diversos vírus que podem causar diarreia, o rotavírus tem uma grande importância pela frequência e intensidade da diarreia.

Getty Images
Getty Images

Bactérias também podem ser causadoras de diarreia, sendo uma das principais a Escherichia coli. Outras causas infecciosas que vale a pena lembrar são a amebíase e a giardíase. (2)

Como causas não infecciosas podemos citar:

Diarreia aguda

A diarreia aguda pode ter as seguintes causas: (4)

Diarreia crônica

A diarreia crônica pode ter as seguintes causas:

Fatores de risco

Por ser uma doença muito comum, qualquer pessoa pode apresentar diarreia. Entretanto, alguns comportamentos de risco podem levar ao surgimento da diarreia infantil. Veja:

Sintomas

Sintomas de Diarreia infantil

Os principais sintomas da diarreia infantil são evacuações mais frequentes e ou mais amolecidas/líquidas. A diarreia também pode ser acompanhada por: (1)

Sintomas da desidratação infantil

Se a criança apresentar dois ou mais sintomas, pode ser desidratação. É necessário procurar a unidade de saúde mais próxima imediatamente para atendimento médico

Buscando ajuda médica

A maioria dos casos de diarreia resolve-se sozinha. Mas atenção: a diarreia pode ser sinal de que há algo com que você deva se preocupar. Por isso, é importante procurar um especialista para certificar-se de que não há nenhuma condição envolvida no surgimento da diarreia.

A atenção para crianças deve ser redobrada, principalmente quando ela vem acompanhada de outros sintomas, como febre e vômito, pois pode levar a um problema sério de desidratação. Nesses casos, busque ajuda médica se os sintomas da criança não melhorarem em pelo menos 24 horas. Verifique também se não há presença de sangue ou muco nas fezes e se a criança não demonstra cansaço e fica irritado facilmente.

Você também deve procurar um especialista se os seus sintomas não desaparecem sozinhos em dois dias e se você passar a apresentar sinais de desidratação.

É importante buscar ajuda especializada, também, se sentir dores abdominais ou retais, cólicas, apresentar sangue nas fezes ou febre.

Diagnóstico e Exames

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar a diarreia infantil são:

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para gordura no fígado, algumas perguntas básicas incluem:

Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Diarreia infantil

Geralmente, o diagnóstico de diarreia pode ser feito em casa, por meio da observação de sintomas. No entanto, o médico poderá realizar testes laboratoriais para definir as causas da diarreia. Se também houver sinais de desidratação, o pediatra poderá solicitar o perfil metabólico básico do paciente e a gravidade específica da urina. (1,2)

Exames

Além de realizar um exame físico e revisar seus medicamentos, o médico da criança pode solicitar testes para determinar o que está causando a diarreia. Eles incluem:

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Diarreia infantil

O tratamento dependerá dos sintomas, da idade, saúde geral e da gravidade da condição da criança.

A desidratação é a principal preocupação com a diarreia. Na maioria dos casos, o tratamento inclui a reposição de líquidos perdidos. Além disso, antibióticos também podem ser prescritos quando infecções bacterianas são a causa.

Algumas para seguir durante o tratamento da diarreia infantil são:

Como preparar o soro caseiro: Misture em um litro de água mineral, de água filtrada ou de água fervida (mas já fria) uma colher pequena (tipo cafezinho), de sal e uma colher grande (tipo sopa), de açúcar. Misture bem e ofereça o dia inteiro ao doente em pequenas colheradas.

Dieta para diarreia

Não existe nenhuma restrição alimentar durante o episódio diarréico. Mas, evitar os alimentos laxativos e industrializados é uma boa opção. É importante oferecer o alimento que a criança aceitar melhor, considerando a baixa aceitação comum nesses quadros.

O aleitamento materno deve ser mantido e incentivado durante o episódio diarreico. Aumentar a oferta de líquidos é essencial para evitar a desidratação.

Quando se tem diarreia é importante ingerir alimentos leves, de fácil digestão e que não agridam o sistema gastrointestinal, uma vez que ele está passando por um momento de inflamação. Neste caso, o contato com alimentos de difícil digestão pode gerar uma maior dificuldade na recuperação da diarreia. Invista nesses alimentos: (2)

Evite a ingestão destes itens durante um episódio de diarreia: (3)

Medicamentos para Diarreia infantil

Os medicamentos mais usados para o tratamento de diarreia infantil são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Convivendo (prognóstico)

Diarreia infantil tem cura?

O tempo de recuperação pode variar de acordo com o tipo de diarreia. Geralmente, diarreias agudas demoram cerca de alguns dias para passar. Já a diarreia crônica pode levar de três a quatro semanas para desaparecer. Para o primeiro caso, o tratamento pode ser dispensado, já que a doença desaparece sozinha. No segundo, o tratamento pode ser exigido, uma vez que a diarreia pode ser sinal de algum outro problema. (3)

Complicações possíveis

Diarreia geralmente não leva a complicações mais graves, mas uma consequência comum da diarreia é a desidratação. Outras complicações são: (4)

Convivendo/ Prognóstico

Saber conviver com a diarreia é, também, saber tratá-la. Siga à risca as orientações médicas e para que seu filho (a) esteja livre o quanto antes do problema. Veja algumas medidas caseiras que para acelerar o tratamento e a recuperação da criança:

Prevenção

Prevenção

As seguintes medidas podem ajudar na prevenção da diarreia infantil:

Referências

(1) Carlo Crivellaro, pediatra

(2) Renata Scatena, pediatra

(3) American College of Gastroenterology. Conteúdo disponível em:

(4) National Institute of Diabetes and Digestive and Kidney Diseases (NIH). Conteúdo disponível em:

(5) Ministério da saúde. Conteúdo disponível em:

https://www.avrora-trans.com

best-cooler.reviews/

read here best-cooler.reviews