PUBLICIDADE

Morre r que disse ter se curado do câncer com dieta vegana

A norte-americana Mari Lopez tinha câncer de mama e ficou famosa por defender dieta vegana como tratamento

Morre nos Estados Unidos a r Mari Lopez, que havia ficado famosa na internet por defender que a dieta vegana, sucos naturais e rezas a havia curado de um câncer de mama em quatro meses, além de a terem "curado" de sua homosexualidade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Mari dividia um canal com a sobrinha Liz Johnson, que divulgou recentemente a morte da tia em dezembro de 2017, depois que as células cancerígenas se espalharam para seu sangue, fígado e pulmões, de acordo com informações do site norte-americano Newsweek.

Entenda a história

A celebridade da internet havia rejeitado o tratamento tradicional para o câncer de mama, cortando apenas os produtos de origem animal de sua dieta e consumindo alimentos crus. Mas, posteriormente, quando o câncer de mama se tornou metastático, resolveu recorrer à quimioterapia e radioterapia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Liz Johnson afirmou em entrevista ao site Babe que, nesse período, sua mãe voltou a incentivar a tia a comer carne e culpou, sem evidências médicas, o retorno deste hábito e o preparo de refeições no microondas como culpados pela morte da tia. Tanto que quando a tia pediu, antes de morrer, que ela retirasse os vídeos da internet, ela se recusou.

Cuidado com tratamentos alternativos

Acompanhando o caso, a Sociedade Americana de Câncer alertou a população sobre como a maior parte dos tratamentos alternativos são infundados cientificamente, enquanto os métodos indicados por médicos já foram testados em estudos clínicos e aprovados.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Caso brasileiro semelhante

Mari Lopez não é a primeira celebridade que vemos que tentou tratar o câncer de maneira alternativa sem sucesso. O jornalista Marcelo Rezende faleceu em setembro de 2017 por uma falência múltipla de órgãos, causada por um câncer de pâncreas.

Rezende foi diagnosticado em maio deste ano com um câncer no pâncreas com metástase no fígado. O jornalista costumava falar sobre sua saúde em seu Instagram. Quando foi diagnosticado, Rezende chegou a fazer uma sessão de quimioterapia, mas não deu continuidade ao tratamento. Na época ele teria começado a fazer um tratamento alternativo, seguindo a dieta cetogênica.