PUBLICIDADE

Pés de galinha: confira 9 tratamentos para reduzir essas rugas

Rugas em torno dos olhos são as primeiras a aparecer e denunciar a idade

Não há nada que entregue mais o passar dos anos do que o entorno dos olhos: essa região é o local em que as primeiras rugas despontam. "Essa região da face é a área onde a pele é mais fina, além disso a formação de linhas finas e superficiais, os chamados ?pés de galinha? surgem devido a contração muscular repetitiva das pálpebras e, é claro, do envelhecimento natural", explica a cirurgião plástico André Eyler, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e da American Society of Plastic Surgeons.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Esse tipo de marca pode aparecer cedo na pele, muitas vezes até mesmo antes dos 25 anos, e quanto mais cedo começam os tratamentos, melhor! Inclusive, é possível apostar em alguns tratamentos para prevenção dessas marcas, como o uso de cremes e a toxina butolínica, por exemplo.

No entanto, é muito importante que um médico (cirurgião plástico ou dermatologista), avalie essas marcas antes de indicar o melhor tratamento. "Por se tratar de uma pele delicada, qualquer tratamento deve ser realizado com o maior cuidado. Cada tipo de pele reage de uma forma aos tratamentos e isso deve ser avaliado na hora de escolher um ou outro", ressalta o cirurgião plástico plástico Pedro Granato, especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Quer entender melhor as opções? Conversamos com especialistas e separamos os principais tratamentos para os pés de galinha, mostrando os resultados esperados de cada um deles:

Laser CO2 fracionado

Aplicação de laser CO2 fracionado - Foto: Getty Images
Aplicação de laser CO2 fracionado - Foto: Getty Images

O laser CO2 é um ablativo, ou seja, provoca uma queimadura na pele, que ao cicatrizar, estimula a produção de colágeno e também uma retração da pele, causando esticamento e melhora das rugas finas, como os pés de galinha. O laser CO2 fracionado é melhor ainda, pois atua com pequenos feixes, atingindo a pele mais profundamente e em regiões menores, melhorando a recuperação. Ele é considerado um tipo de ressurfacing, "termo aplicado aos tratamentos que refazem a superfície da pele", explica o cirurgião plástico André Eyler, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e da American Society of Plastic Surgeons.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Resultados esperados: "É possível notar que a pele fica com mais viço, reduzindo os poros e melhorando a textura. Com o tempo, percebe-se melhora nas rugas e manchas da pele", descreve o cirurgião plástico Pedro Granato, especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Os resultados podem já aparecer na primeira sessão, mas é preciso esperar a pele se recuperar, o que leva de 15 a 30 dias.

Botox

Mulher se submetendo a aplicação de botox - Foto: Getty Images
Mulher se submetendo a aplicação de botox - Foto: Getty Images

O botox é indicado principalmente para rugas de expressão, mas depende muito das causas conjuntas dessas rugas. "Se houver na região flacidez, má qualidade da pele, olheiras acentuadas que agravam o quadro, entre outros aspectos, outras técnicas devem ser associadas", considera Eyler. Isso porque a toxina botulínica atua especificamente aliviando a tensão da musculatura e suas contrações, ou seja, ela não melhora a qualidade da pele como os tratamentos de ressurfacing.

Resultados esperados: Por mexer com a musculatura, o resultado é mais visível nas rugas dinâmicas, aquelas que se formam com os movimentos da face. Hoje as quantidades de toxina butolínica usadas são menores, e aplicadas em pontos estratégicos. Mas lembre-se que o produto age por cerca de 4 e 6 meses, pois com o tempo ele é reabsorvido pela pele.

Ultrassom microfocado

Aplicação de ultrassom microfocado - Foto: Getty Images
Aplicação de ultrassom microfocado - Foto: Getty Images

O tratamento com ultrassom estético age nas camadas mais profundas da pele, resolvendo a flacidez. "Ele consegue atingir de 1,5 até 4,5 milimetros de profundidade. As ondas do ultrassom microfocado causam uma microcoagulação, agindo na produção de colágeno", explica Granato. Ao resolver a flacidez da pele e do músculo, ele consegue diminuir a aparência das rugas, levantando a pele da região aplicada.

Resultados esperados: O tratamento pode provocar melhora imediata na flacidez na primeira sessão, mas o resultado é melhor observado conforme a pele se recupera da lesão. A recuperação total ocorre após 90 dias, quando o paciente já pode se submeter a uma nova sessão.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Blefaroplastia

Mulher com marcações no rosto para blefaroplastia - Foto: Getty Images
Mulher com marcações no rosto para blefaroplastia - Foto: Getty Images

A blefaroplastia é a cirurgia plástica da região dos olhos. "Ela funciona como um lifting, removendo o excesso de pele ou o acúmulo de gordura nas pálpebras, tanto superiores quanto inferiores", explica o cirurgião plástico Eyler. De modo geral, ela é indicada para os pés de galinha, mas também ajuda casos de aparência de cansaço, pálpebras caídas e inchaço na região.

Resultados esperados: Por atuar nas bolsas de gordura ao redor dos olhos e também agir como um lifting na região, a blefaroplastia ajuda a reduzir o cansaço do olhar e da face como um todo. Além disso, ao esticar e reposicionar a pele, ela age diretamente nas rugas da região. Os resultados costumam ser duradouros, mas tudo depende do processo de envelhecimento individual do paciente.

Radiofrequência multipolar

Moça fazendo radiofrequência no rosto - Foto: Getty Images
Moça fazendo radiofrequência no rosto - Foto: Getty Images

A radiofrequência é um tratamento estético que usa o calor para estimular a formação de novas fibras de colágeno e elastina, necessárias para firmeza da pele. "Ele consegue atingir ao mesmo tempo as camadas superficiais e profundas do tecido cutâneo", explica André Eyler. No caso da multipolar, ela atua com um pulso magnético, o que permite que sua aplicação seja mais uniforme na pele como um todo.

Resultados esperados: O estímulo desse tipo de radiofrequência ajuda a melhorar o viço da pele, reduzindo a flacidez, e dessa forma reduzindo o efeito das rugas de expressão. "Na face é possível vê-lo ao final da primeira sessão. Vale lembrar que podem ser propostas oito sessões para a obtenção de resultado considerável, sendo uma por semana", comenta a fisioterapeuta dermatofuncional Taynara Lima, da clínica Daniela Lemes Dermatologia & Laser.

Peeling

Moça retirando uma camada de pele - Foto: Getty Images
Moça retirando uma camada de pele - Foto: Getty Images

Diversos tipos de peeling podem ser usados para o ressurfacing do rosto, tratamentos em que a pele é desgastada e depois se renova naturalmente, se reestruturando de forma mais uniforme. A escolha varia conforme o tipo e a coloração da pele do paciente. "De modo geral, o peeling de fenol ou ácido tricloroacético são excelentes para essa região", considera a médica Ana Barcelos, especializada em medicina estética e membro do Centro de Tratamento Estético do Rio De Janeiro (CETERJ).

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Resultados esperados: No peeling, a pele se reconstrói, produzindo novas estruturas de colágeno, que deixam a "pele nova" com menos rugas e flacidez. Para se atingir resultados, no entanto, o ideal é fazer pelo menos seis sessões, com intervalo de no mínimo 15 dias entre cada uma, esse tempo varia conforma a recuperação do paciente, já que a pele deve estar recuperada antes de ser submetida ao tratamento novamente.

Aplicação de ácido hialurônico

Aplicação de ácido hialurônico em mulher mais velha - Foto: Getty Images
Aplicação de ácido hialurônico em mulher mais velha - Foto: Getty Images

O ácido hialurônico é uma substância naturalmente presente no organismo humano, sendo que 56% dela está na pele, onde ele atua preenchendo o espaço entre as células, o que a mantém lisa, elástica e bem hidratada. Porém, com o tempo, sua concentração na pele diminui, o que causa o aparecimento de rugas e também seu ressecamento. Nesses casos, ele pode ser aplicado em preenchimentos. "Aplicações com menor concentração são usadas para os tratamentos mais superficiais, como rugas finas", explica a médica Ana.

Resultados esperados: No tratamento das rugas finas e de expressão, ele ajuda a deixar a pele mais lisa e natural. Mas a durabilidade do preenchimento com ácido hialurônico varia de oito a 15 meses, já que com o tempo o organismo absorve a substância novamente.

Ginástica facial

Mulher fazendo ginástica facial - Foto: Getty Images
Mulher fazendo ginástica facial - Foto: Getty Images

A ginástica facial é um método em que os músculos da face são exercitados, adquirindo mais firmeza. "Ela tonifica a musculatura do rosto, pescoço e colo, fazendo com que ela se encurte e dando mais firmeza à pele que se sustenta nesse músculo", explica Bartira Bravo, especialista na técnica da clínica Denise Steiner, em São Paulo. A técnica pode ser usada tanto para prevenir quanto para amenizar rugas no rosto, principalmente as que ocorrem ao redor dos olhos. Normalmente o especialista indica um treino com alguns exercícios, que devem ser feitos todos os dias, na ordem orientada. O movimento errado, no entanto, pode prejudicar o sistema mastigatório, por isso é preciso ter cuidado, por isso é importante seguir as orientações de um médico.

Resultados esperados: A ginástica facial feita preventivamente ajuda a reduzir as rugas desenvolvidas ao longo do tempo, mas não impede que elas apareçam, e sim faz com que tenham menor intensidade. "Mas os resultados dependem do biótipo, da alimentação e de atividade físicas e outros fatores", explica Bartira. De modo geral, é possível notar diferenças entre um e dois meses da prática.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Tratamento com cremes

Moça jovem usando cremes - Foto: Getty Images
Moça jovem usando cremes - Foto: Getty Images

Quando você pensa em cremes antirrugas, é preciso entender que existem diferentes tipos de formulações e produtos. "Existem cremes para estimular a produção de colágeno (como a vitamina C e o retinol) e cremes que provocam o relaxamento muscular, em um efeito semelhante à toxina butolínica", diferencia o cosmetólogo e farmacêutico Maurício Pupo, autor do livro ?Tratado de Fotoproteção?.

De modo geral, a concentração dos ativos varia conforme a finalidade do produto: cremes para prevenção de rugas, que são usados mais a partir dos 25 anos de idade, normalmente contém quantidades menores de ativos como a vitamina C e o retinol, por exemplo, ou extratos vegetais.

Resultados esperados: Não importa se você quer usar o creme para prevenir ou amenizar os sinais da idade, o uso contínuo é fundamental para obter resultados. Mas, de modo geral, um creme bom para rugas chega a trazer cerca de 30 a 40% de melhora.

No entanto, eles podem e devem ser associados a outros tratamentos estéticos. Por exemplo, após um peeling, é comum que o dermatologista indique cremes com esse tipo de ativo, até para influenciar na formação do novo colágeno. Além disso, após todas as sessões serem feitas, normalmente os cremes são usados como manutenção dos resultados.

surrogacycmc.com

также читайте ka4alka.com.ua

https://uniti.ua